Dor

Superar a dor só com muito amorLuto

Fazer da ausência companheira amiga

Das lembranças vida eterna

E quando o coração apertar e a angustia esmagar

Permitir-se um sorriso

Recordando as alegrias passadas

Os beijos dados, os carinhos trocados

Não é momento para entender

Mas reviver o que foi bom

Pois se valeu a pena, valerá para sempre como amor infinito…

Nenhum comentário.

Arquivo do SNI

Nenhum comentário.

Rumba Cubana

https://

Nenhum comentário.

Os sinos…

SinosOs sinos batem e ouvidos ateus estremecem

Pelo fragor e não pelo simbólico

Criam um sentido sonoro

Interveniente na vida vivida

Do íntimo dolorido tiram agradáveis sensações

Como se possível fosse alegria na tristeza

Os sinos batem e os sons agradam

Os sinos, a vida, a solidão, tudo percepção

A sublimação do mais profundo sofrimento

Libertar-se, tornar a dor em arte, viver a vida com paciência

Nenhum comentário.

Verão

mocasOh! Verão que te aproximas

Já desnudando corpos ocultos

Quantas belezas apresentas

Aos olhos dispostos a ver

Apresse-se primavera, para o calor trabalhar

Assim poderemos olhar

As obras da natureza

Quantas, quantas beldades

Livres para alegrar

Deixar os sonhos fluírem

Permitir o imaginar…

Nenhum comentário.